Nacionalidade Portuguesa: Aquisição por efeito do casamento

O estrangeiro casado há mais de três anos com nacional português pode adquirir a nacionalidade portuguesa mediante declaração feita na constância do matrimônio.

A quem se aplica?
Aplica-se a estrangeiro casado com nacional português.

Quem pode prestar as declarações?
De acordo o Regulamento da Nacionalidade as declarações para fins de aquisição de nacionalidade podem ser prestadas pelos próprios, por si ou por procurador bastante. Pode ser mandatado advogado para proceder a tais declarações.

Quais os documentos necessários?
• Declaração aquisitiva prestada na constância do casamento;
• Certidão do registo de nascimento do interessado, se possível, de cópia integral e emitida por fotocópia, devidamente legalizada e acompanhada de tradução, quando escrita em língua estrangeira;
• Certidão do registo de nascimento do cônjuge português com o casamento averbado, de cópia integral e, se possível, emitida por fotocópia. Embora em alguns casos esta certidão possa ser oficiosamente obtida pelos serviços é aconselhável, no entanto, a sua apresentação;
• Certidão do registo de casamento, de cópia integral e, se possível, emitida por fotocópia. Embora esta certidão possa ser oficiosamente obtida pelos serviços é aconselhável, no entanto, a sua apresentação. Se o casamento foi celebrado no estrangeiro deverá ser transcrito no registo civil português, devendo na certidão constar a modalidade do casamento (civil, católico ou religioso não católico);
• Documento que prove a nacionalidade estrangeira do interessado, acompanhado de tradução, quando escrito em língua estrangeira;
• Certificados do registo criminal emitidos pelos serviços competentes do país da naturalidade e da nacionalidade, bem como dos países onde o interessado tenha tido e tenha residência após os 16 anos, acompanhados de tradução, quando escritos em língua estrangeira. Embora o certificado de registo criminal português possa ser oficiosamente obtido pelos Serviços é aconselhável, no entanto, a sua apresentação;
• Documentos que comprovem a natureza das funções públicas ou do serviço militar não obrigatório, prestados a Estado estrangeiro. A apresentação destes documentos só tem lugar se o interessado tiver estado nestas circunstâncias;
• Prova documental ou outra legalmente admissível de que o interessado tem ligação efectiva à comunidade nacional.

Serviços receptores do pedido:
• Extensões das Conservatórias dos Serviços Centrais;
• Conservatórias do Registo Civil;
• Serviços consulares portugueses.

Imprima o folheto explicativo com informações detalhadas sobre todas as modalidades de aquisição da nacionalidade portuguesa.

Imprimir

Brasil Registros

Stampfenbachstrasse, 138
CH-8006 Zurique
Tram n° 14 ou 11 – parada "Kronenstrasse".

Tel. +41 44 212 00 40
Fax. +41 44 212 00 39
Cel. +41 78 712 57 04
E-mail: [email protected]

Conversão de Moedas

Valor:
De:
Para: